O seguro viagem existe para evitar dor de cabeça enquanto você estiver viajando, seja de férias ou trabalho. Ele garante a indenização, reembolso ou prestação de serviços caso você precise usar algumas das coberturas contratadas. Com por exemplo, usar a cobertura de despesas médicas devido a uma fratura depois de tropeçar em uma escada. Mas antes de fechar o seguro para viagem, é preciso conhecer o que você está contratando, não é mesmo?! Esse guia vai ajudar você a entender com funciona as principais coberturas básicas e adicionais do seguro viagem, assim como os riscos excluídos. Coberturas básicas do seguro viagem A Superintendência de Seguros Privados (SUSEP), órgão de regulamentação e fiscalização de seguros comercializados no país, publicou a Resolução 315/2014 que contém as atuais regras e critérios para a contratação do seguro de viagem. Quem ganhou com esta resolução foi o segurado, que pode contar com mais proteção durante sua viagem. Quando se contrata o seguro para viagem, você tem disponível as coberturas básicas, que são as mínimas necessárias para que o seguro seja comercializado. Qualquer seguro viagem ofertado devem conter pelo menos uma das coberturas listadas abaixo. Despesas médicas, hospitalares e/ou odontológicas em viagem nacional (DMHO viagem nacional)– Esta cobertura garante indenização das despesas médicas, hospitalares ou odontológicas devido acidente pessoal ou doença súbita. Como ela é destinada para viagens nacionais, você pode utilizar assim que sair da sua cidade. Despesas médicas, hospitalares e/ou odontológicas em viagem ao exterior (DMHO viagem internacional)– Ela garante os mesmos itens da cobertura anterior:  indenização das despesas médicas, hospitalares ou odontológicas devido acidente pessoal...

Passagens na mão, estadias reservadas, roteiro escolhido, malas arrumadas. Tudo pronto, certo? Na verdade, não. Um detalhe importantíssimo, que pode ser sua salvação em alguma eventual surpresa: o seguro viagem. Não se costuma pensar em imprevistos, acidentes e semelhantes durante o planejamento de uma viagem e isso é um grandioso erro. É preciso cogitar o imponderável, caso contrário, você pode se encontrar em uma situação desfavorável,tentando encontrar auxílio em um país estrangeiro, com uma conta imensa de hospital e sem saber para quem recorrer. O QUE É SEGURO VIAGEM? “A contratação do seguro viagem lhe dá a garantia de que, se algum imprevisto ocorrer, você seja imediatamente amparado (a) – assim como todas as pessoas que vão lhe acompanhar. O seguro cobre problemas com a sua saúde, acidentes e, em alguns casos, até mesmo o seu lar.” O QUE ELE COBRE E QUANTO CUSTA? Basicamente, cobre acidentes e decorrentes (morte, invalidez, injúria), custos com internação e medicamentos em caso de doença, atraso e cancelamento de voo por parte da companhia aérea (apenas por motivos de greve, problemas com equipamentos ou clima), cancelamento de voo por parte do segurado (doença ou morte de parente de primeiro grau – mãe, pai, cônjuge ou filho), atraso e perda de bagagem e vários outros possíveis problemas. Existem variações, é claro, dependendo da região de cobertura e algumas regras. Os nomes são bem simples e claros: Nacional, Internacional e Europa. O valor da diária varia de acordo com o plano e a duração. Além disso, é possível segurar seu carro alugado, o que pode ser outra forma de evitar algum tipo de incomodação: “a maioria das locações inclui CDW e proteção contra roubo. O CDW é uma...

Sabemos que acidentes acontecem e problemas de saúde são imprevisíveis. Por isso, preparamos um guia com dicas sobre seguro de viagem para ajudar os leitores que estão prontos, e de passagens compradas, para desbravar esse mundão! Nada de passar perrengue durante as férias. Vamos estar prontos para tudo ! Feche os olhos e imagine a cena: Você está andando em direção à Torre Eiffel, naquele cenário dos sonhos, fazendo um belo retrato com a folhagem das árvores servindo de moldura. É primavera, tudo está florido. Você, encantando, se distrai por um segundo e … PÁ! É atingido pela bicicleta de um francês apressado. Todas as baguetes que estavam na cestinha da bike caem lentamente no chão e você percebe que, além das garrafas de vinho estarem estilhaçadas, você também quebrou o braço! O cenário, de todo modo, é desesperador. Mas seria bem pior se você não tivesse um seguro de viagem e precisasse pagar por todo o atendimento médico em euros, não é mesmo? Parece até meio piegas, mas o fato é que todo viajante precavido preciso estar preparado para os percalços da viagem, entre eles, os problemas de saúde. Se aqui no Brasil nós podemos passar mal com uma coxinha velha, a maionese de anteontem ou um churrasquinho de origem duvidosa, imagine em países que sequer conhecemos! Pedra nos rins, apendicite, diarréia, dor de garganta, febre e tosses insuportáveis são apenas a ponta do fio de tudo o que pode acometer um viajante nos dias de viagem. Sem falar em extravios de...

É realmente necessário o uso Seguro Viagem? O Seguro Viagem é obrigatório? Vamos responder a essa pergunta em alguns passos importantes. Viajar para fora do país é algo sempre muito prazeroso, quem já foi pode comprovar isto. E claro, quem ainda não teve a oportunidade de conhecer uma outra nação, sonha em um dia ter condições de conquistar este objetivo. Porém, viajar para o exterior envolve um assunto que é muito comentado entre as pessoas que se encontram interessadas em conhecer novas culturas. Se trata do Seguro Viagem, que é crucial para sua segurança. Além de ser importante para a sua segurança, o Seguro Viagem poderá ser exigido pelo governo do país que você pretende visitar, e sem um Seguro, você não poderá nem se quer passar pela imigração deles. Para lhe ajudar a entender melhor a respeito deste assunto, resolvi trazer aqui neste artigo algumas dicas a respeito da obrigatoriedade do Seguro Viagem. Vamos bater um papos sobre ela?   O que é o Tratado de Schengen? A Europa é um continente que exige que o turista tenha um Seguro Viagem, pois todo o continente se encontra como um signatário do Tratado de Schengen. Este tratado delimite o “Espaço Schengen”, espaço este que implica aos turistas a necessidade de um Seguro Viagem para que possam transitar por todo o continente Europeu. Portanto, se a Europa é o seu próximo destino, não se esqueça de pesquisar a respeito de qual Seguro Viagem irá fazer aqui no nosso site, para que possa ter condições de transitar pelo continente sem grande...